Acesse a Plataforma MADAE

Acesse a Plataforma MADAE
Curso Afro-Pará

EXPOSIÇÃO "ÁFRICA: OLHARES CURIOSOS", Hilton Silva

segunda-feira, 22 de abril de 2013

Inscreva-se na atividade da Copir na Feira do Livro

A Copir estará promovendo uma das atividades da programação da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) na XVII Feira Pan-Amazônica do Livro, que acontece entre os dias 26 de abril e 5 de maio, no Hangar- Centro de Convenções e Feiras da Amazônia - Belém/PA. 
A inscrição é gratuita e aberta ao público em geral, incluindo todos os servidores e estudantes da Rede Estadual de Ensino, e pode ser feita no portal da instituição na internet (www.seduc.pa.gov.br).
Título: Dez anos da Lei 10.639: Experiências pedagógicas de superação do racismo no ambiente escolar.
Data e hora: 04 de maio de 2013 (sábado), de 18 às 19h30.
Composição da Mesa: Prof. Amilton Barretto (mediador) e Profa. Gisele Barroso (palestrante).
Para se inscrever é só clicar aqui 
Vamos marcar presença!
Conheça abaixo a proposta de ação da Copir
-->
PROPOSTA DE PARTICIPAÇÃO NA XVII FEIRA PAN-AMAZÔNICA DO LIVRO
1. Ação: Palestra
1.1. Título: Dez anos da Lei 10.639: Experiências pedagógicas de superação do racismo no ambiente escolar.
1.2. Data e hora: 04 de maio de 2013 (sábado), de 18 às 19h30.
1.3. Composição da Mesa: Prof. Amilton Barretto (mediador) e Profa. Gisele Barroso (palestrante).

2. Apresentação: A palestra visa divulgar a inportância da implementação da Lei 10.639, que institui o ensino da história e cultura africana e afro-brasileira na educação básica, como uma estratégia de superação do preconceito e da discriminação racial. Contará com a presença e relato de experiência da professora da Rede Estadual de Educação Gisele Nascimento Barroso, da Escola em Regime de Convênio Nossa Senhora da Conceição, distrito de Icoaraci, na cidade de Belém/PA, que foi premiada pela 6ª edição do Prêmio Educar para a Igualdade Racial do Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades – CEERT.

3. Justificativa: Em 2013, também comemoramos 10 anos de aprovação da Lei 10.639, que que institui obrigatoriedade do ensino sobre História e Cultura Africanas e Afro-Brasileiras. Diante da publicação desta lei, o Conselho Nacional de Educação aprovou as Diretrizes Curriculares para a Educação das Relações Étnico-Raciais e o Ensino de História e Cultura Afro-Brasileiras e Africanas a serem executadas pelos estabelecimentos de ensino de diferentes níveis e modalidades, cabendo aos sistemas de ensino, orientar e promover a formação de professores e professoras e supervisionar o cumprimento das Diretrizes. A palestra visa motivar e sensibilizar educadores/as sobre a relevância do estudo de temas decorrentes das produções socio-históricas afro-brasileiras e africanas não se restringe à população negra, ao contrário, diz respeito a todos os brasileiros, uma vez que devem educar-se enquanto cidadãos atuantes no seio de uma sociedade multicultural e pluriétnica, capazes de construir uma nação democrática.

4. Objetivos
4.1. Geral: Disseminar práticas de Ensino de História e Cultura Afro-Brasileira e Africana, destacadando o reconhecimento e valorização da identidade, história e cultura dos afro-brasileiros, bem como a garantia de reconhecimento e igualdade de valorização das raízes africanas da nação brasileira, ao lado das indígenas, européias, asiáticas.
4.2. Objetivos específicos:
Apresentar e refletir sobre valores civilizatórios da cultura africana presentes na sociedade brasileira;
Fomentar a valorização da oralidade, da corporeidade e da arte originárias de manifestações marcadas pela cultura de raiz africana, ao lado da escrita e da leitura, no processo de ensino-aprendizagem;
Difundir a importância de aplicação da Lei 10.639 nas escolas de educação básica (públicas e privadas).

5. Metodologia: Palestra de 1h e ½ de duração.

6. Recursos necessários: Notebook , data show, microfone e caixa de som amplificada

7. Meta: 100 ouvintes.

8. Resultado esperado: Participantes informados e motivamos sobre a aplicação da Lei 10.639/2003.

Nenhum comentário:

Postar um comentário