Acesse a Plataforma MADAE

Acesse a Plataforma MADAE
Curso Afro-Pará

EXPOSIÇÃO "ÁFRICA: OLHARES CURIOSOS", Hilton Silva

quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Copir realiza Afro-Pará em Vitória do Xingu

 
De 17 a 21 de outubro de 2016, a cidade de Vitória do Xingu recebeu o primeiro módulo da formação continuada intitulada Afro-Pará. O projeto refere-se à formação de professores/as, gestores/as e técnicos/as da Rede Pública Estadual para atender o que determina a Lei nº 10.639/03, que torna obrigatória a temática História e Cultura e Africana e Afro-Brasileira, no âmbito do currículo da Educação Básica.
A pedagoga Marcia Helena Alves do Carmo e o sociólogo Tony Vilhena foram os técnicos da Copir que mediaram a formação. Participaram profissionais da educação da Seduc e da Semed, visando o aprimoramento de metodologias de tratamento dos conteúdos das africanidades nas escolas como estratégia de enfrentamento ao racismo.
A professora Joelma Ferreira teve interesse em participar da formação por considerar que, embora a Lei 10.639 já tenha dez anos de vigor, a temática da igualdade racial ainda está muito rarefeita no cotidiano das escolas. "A inclusão da temática na escola deveria ser garantida, pois ainda observamos muito preconceito na escola e falar sobre africanidades pode contribuir para a compreensão dos alunos negros da origem e beleza de sua negritude", opina Ferreira.
A presença de professores e professoras de todas as áreas do conhecimento garantiu contribuições enriquecedoras, além de permitir interações e trocas de ideias para futuros projetos sobre a temática da diversidade étnico-racial. Este foi apenas o primeiro módulo e tratou especificamente da história da África. O segundo módulo será à distância, usando a plataforma disponibilizada pelo Centro de Formação de Profissionais da Educação Básica do Estado do Pará (Cefor). E no início de 2017 haverá o terceiro módulo de forma presencial, fechando o total de 120 horas.


Fotos do encontro:


























 

Fotos e texto: Copir

Nenhum comentário:

Postar um comentário